Image and video hosting by TinyPic
Quinta-feira, 28 de Agosto de 2014

A GESTÃO ENDIVIDADA DA CDU/VERDES, EM SETÚBAL

A Federação Distrital de Setúbal do PS distribuiu o comunicado que abaixo se transcreve e que, segundo parece, incomodou sobremaneira as hostes comunista/verdes que gerem a nossa câmara, cuja falência é mais do que certa e que muita boa gente gostava que fosse escondida dos cidadãos do Concelho!

 

"O Poder Local Democrático enfrenta enormes dificuldades financeiras, por um lado, com a redução das verbas transferidas do Orçamento de Estado e, por outro lado, com o decréscimo das receitas próprias dos municípios, decorrente da situação económica e financeira imposta pelas políticas de austeridade sem fim e limite que o governo do PSD/CDS tem vindo a adoptar. Neste quadro, cabe aos autarcas mostrarem que são diferentes nas políticas e na gestão dos bens e dinheiros públicos, elegendo prioridades de gestão, cumprindo e honrando os seus compromissos com as empresas que contratam, para a prestação de bens e serviços e outros.  Se assim não acontecer,  quem sofre são os munícipes com o agravamento da carga fiscal municipal e o aumento do custo dos serviços prestados às populações que o município endividado, para além da sua capacidade de endividamento, vai ter que fazer.

Ora,  no distrito de Setúbal, no nosso distrito, são vários os Municípios  a quem o Governo vai reter as transferências do Orçamento de Estado para pagar aos respectivos credores. De retenção imediata Sesimbra, Grandola e Moita; em fase de ultimar a retenção encontram-se Setúbal Alcochete e Palmela. As maiores verbas a reter são Setúbal com 4,4milhões de euros, Sesimbra com 1,4 milhões e Alcochete  com 826 mil euros."

:
Etc e Tal às 09:51

Link do Post | Comentar
partilhar

SETÚBAL E ARREDORES - Cláudio Fernando:


SETÚBAL E ARREDORES - Cláudio Fernando:

.. ..

ARQUIVOS

 

Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30